Desenvolvimento

Levantamento aponta que 80% dos profissionais latinoamericanos investem em qualificação

Enquanto as empresas procuram pessoas cada vez mais qualificadas, os profissionais vêm investindo em estudos visando melhores oportunidades. É o que aponta o Relatório de Trabalho Independente e Empreendimento 2017 desenvolvido pela Workana, plataforma de trabalho freelance com atuação em toda a América Latina. O levantamento aponta que 80% dos entrevistados fez algum curso no último ano.

De acordo com Guillermo Bracciaforte, CEO da Workana, a competitividade e a alta demanda vêm influenciando esses profissionais a buscarem novas habilidades. “Hoje em dia temos mudanças muito rápidas no mercado, o que gera uma demanda muito alta de pessoas qualificadas. É um movimento muito positivo tanto para as empresas quanto para os trabalhadores”, explica. Dentre os entrevistados, ainda, 45% dedicaram mais de 40 horas em capacitação no ano passado.

O estudo levantou também que 52% dos entrevistados são universitários, 23% dos entrevistados possuem bacharelado e 16,5% têm pós graduação. “Notamos também que temos um número expressivo de profissionais latinoamericanos que falam inglês: 39%”, analisa Bracciaforte. Além disso, o estudo apontou que enquanto 17% dos profissionais brasileiros falam espanhol, apenas 5% dos profissionais que têm o espanhol como língua materna falam português.

Além disso, o relatório elaborado pela Workana aponta que em 2016 a atividade freelance cresceu 181% na América Latina. O relatório também levantou que as áreas procuradas pelas empresas são as de tradução e conteúdos, design e multimídia, TI, programação, marketing e vendas.

Comentários

comentários

Desde 1998 p&n é uma plataforma de conteúdos referência em Gestão de Pessoas e mundo do trabalho. Tanto nas versões web e impressa, com sua linha editorial independente, é focada na melhor entrega de informações e serviços para os profissionais de RH.

curte com a gente!

© 2017 Revista Profissional & Negócios. By Rockbuzz | Estratégia Digital

TOP
Web Analytics