Tecnologia

O futuro do emprego passa pela Inteligência Artificial

Cada vez mais pessoas vêm utilizando a Internet para procurar empregos. O desafio, neste caso, é encontrar vagas que melhor se adequem ao perfil e interesses de cada candidato, bem como os candidatos que melhor se adequem as expectativas dos recrutadores. Caso este casamento entre interesses e expectativas não ocorra, as chances de sucesso diminuem. Atenta às necessidades de seus usuários, a Catho tem investido cada vez mais em tecnologia e, recentemente, incrementou seu sistema de busca de vagas, utilizando Inteligência Artificial. O novo buscador aprende automaticamente o que é importante para cada usuário e interpreta as necessidades, comportamentos, ações e características das vagas e candidatos, maximizando as oportunidades de contato entre candidatos e recrutadores.

“A busca é uma das principais ferramentas que os candidatos dispõem para alcançar novas oportunidades de emprego. Aproximadamente 43% dos contatos da Catho são provenientes dela. Então, se essas pessoas se candidatarem para a vaga certa, aumentamos muito as chances de contato. Por isso, trabalhamos para aperfeiçoar cada vez mais nosso sistema”, diz Cesar S. Cesar, diretor de produtos da Catho.

O sistema entende que uma real oportunidade de emprego surge apenas quando ambos os lados possuem interesses em comum, cenário que chamamos de matching. Ou seja, é uma junção das qualificações e comportamento do candidato, em cruzamento com os requisitos das vagas anunciadas e preferências dos recrutadores. Alguns dados e comportamentos utilizados para realizar o matching perfeito são: dados do currículo de cada candidato; envios de currículo feitos pelo candidato; identificação automática dos termos digitados nos campos do formulário (cidade, conhecimentos, cargo, nome de empresa e área profissional), perfil das vagas procuradas e perfil de candidatos que os recrutadores usualmente contactam em cada tipo de vaga.

Além disso, o novo sistema também prioriza na página de resultados da busca vagas relacionadas à recrutadores que mais utilizam a plataforma em períodos próximos ao momento de cada busca. Vagas que atendam aos interesses do candidatos, mas que ainda não receberam muitos envios de currículos também são priorizadas, uma vez que o candidato passa a competir com menos pessoas pela vaga. O sistema também entende e corrige automaticamente alguns erros ortográficos nos termos digitados no campo de busca por “cargo ou palavra-chave”.

“Antes, os resultados eram gerados considerando-se a recência de publicação de cada vaga e a compatibilidade dos termos usados na busca com a descrição de cada vaga. Hoje, o sistema utiliza técnicas avançadas de inteligência artificial, sendo capaz de aprender dinamicamente os interesses de candidatos e recrutadores, a partir de suas ações, comportamentos e dados informados, para se obter um resultado final personalizado para cada usuário distinto da Catho”, explica Thyago Liberalli, diretor de inteligência artificial Global da Seek, controladora da Catho.

“Por exemplo, quando o usuário descarta ou se candidata a uma vaga, o novo buscador irá aprender que o usuário gostou ou não daquela vaga, melhorando, respectivamente, os resultados de buscas subsequentes. Dessa forma, quanto mais o usuário utilizar o sistema, mais aderentes ao seu perfil e interesses serão as as vagas retornadas”, conclui.

Dentre os resultados obtidos nos testes realizados, foram observados um crescimento significativo na quantidade total de envios de currículos feitos pelos candidato; e no total de contatos gerados pelos recrutadores. Ou seja, usuários passaram a enxergar um diversidade maior de vagas que lhes interessam, ao mesmo que um número maior de candidatos passou a ser contactado.

Agendamento de entrevistas

A caixa de mensagem e a agenda de entrevistas também ficaram mais modernas para candidatos e recrutadores. Agora, o envio de mensagem do recrutador para múltiplos candidatos ficou mais rápido e simples e o histórico de contatos está a apenas um clique de alcance.

Além disso, as mensagens recebidas podem ser respondidas diretamente via e-mail e o histórico aparece de forma centralizada na caixa de mensagens do site. Já os candidatos, quando receberem uma mensagem ou convite de entrevista, podem com apenas um clique informar sobre seu interesse e enviar possíveis dúvidas sobre o processo seletivo.

Comentários

comentários

TOP
Web Analytics