Atração

Pesquisa revela a visão dos jovens sobre o Brasil

Com 517 anos, nosso país é visto como um grande polo de desenvolvimento, apesar de apresentar pontos com necessidades de mudança. Com 207 milhões de habitantes, sendo mais de 50 milhões jovens, é normal cada cidadão ter sua própria visão sobre a terra natal. Pensando nisso, o Nube – Núcleo Brasileiro de Estágios realizou uma pesquisa com 31.326 pessoas, entre 15 e 26 anos, com a seguinte pergunta: “Qual dessas frases melhor representa o Brasil?”. O resultado apontou a visão da juventude sobre o assunto.

O estudo ocorreu entre 2 e 13 de outubro e contou com seis opções de resposta. Para 26,23%, ou 8.217 votantes, a melhor representante foi: “sinônimo de corrupção”. De acordo com Rafaela Gonçalves, coordenadora de treinamento do Nube, todo foco das mídias e jornais locais tem sido as atuais investigações e escândalos políticos. “Infelizmente, as questões positivas e demais iniciativas perdem espaço, logo a sensação é de estarmos presos em torno da corrupção”, explica. Assim, enquanto esse cenário não for modificado, essa percepção continuará.

Com 23,82% (7.463), “lugar onde tem uma mistura de raças”, se destacou. De fato, nossa nação foi colonizada por diferentes povos. “Temos uma diversidade étnica e cultural vasta e uma grande miscigenação”, enfatiza a especialista. Já para 22,30% (6.978), aqui é “o país do ‘jeitinho’”. Segundo Rafaela, essa é a maior armadilha, pois não tem como esperar honestidade de seus representantes políticos se você mesmo não a pratica em seu dia a dia. “Não respeitar uma regra, um acordo, ou obter vantagem em relação a alguém, acaba por reproduzir a corrupção feita por nossos governantes”, ressalta.

Outros 14,24% (4.461 respondentes), veem “uma terra com muitos impostos”. Realmente, são taxas diversas e, em muitos casos, com altos valores, por isso, há descontentamento. Mesmo assim, em quinto lugar, 9,52% (2.982), ainda acreditam ser “o país do futuro”, e há mesmo muitos aspectos positivos no Brasil. “Temos o setor de agronegócio, com variadas possibilidades, muitos estão engajados em projetos de tecnologia e mulheres ganham destaque nas corporações. Todavia, ainda é necessário investimento em educação, emprego e tecnologia para deslancharmos”, assegura a coordenadora.

Por fim, 3,88% (1.216), trazem a questão de “o povo amar o futebol”. Sem dúvidas, esse é um esporte com muitos adeptos, contudo, existem vários outros em destaque por aqui. “Só é preciso divulgar melhor as demais modalidades. Esse é um tipo de investimento capaz de mudar a vida de centenas de milhares de pessoas e favorecer a mudança cultural necessária”, enaltece Rafaela. Afinal, desenvolve trabalho em equipe, disciplina e propõe inclusão social, características fundamentais para uma sociedade melhor.

Na verdade, somos um povo com multifaces e, assim como outros, temos aspectos fracos e outros fortes. “Mudar o olhar e mobilizar recursos para os pontos capazes de fazer uma diferença positiva, é o principal”, finaliza a especialista.

Comentários

comentários

Desde 1998 p&n é uma plataforma de conteúdos referência em Gestão de Pessoas e mundo do trabalho. Tanto nas versões web e impressa, com sua linha editorial independente, é focada na melhor entrega de informações e serviços para os profissionais de RH.

curte com a gente!

© 2017 Revista Profissional & Negócios. By Rockbuzz | Estratégia Digital

TOP
Web Analytics